ORDEM DA VISITAÇÃO DE SANTA MARIA

Vida contemplativa Clausura Papal
 
 

Santa Joana Francisca Frémyot de Chantal (1572 – 1641) (pág 2 de 2)

fé, vendo em tudo a vontade de Deus. É admirável em seu ardente amor a Deus. Amor forte, generoso e provado, que a faz dizer: “Saborear a suavidade de Deus, não é amor sólido; mas humilhar-se, sofrer e morrer a si mesmo, este é verdadeiro amor”.

Em 1632, profundamente tocada pelo amor divino, partilhou com as Irmãs sua experiência acerca de um martírio que chamou de Martírio de Amor, explicando-lhes textualmente: “... Deus, sustentando a vida de seus servidores e servidoras para fazê-los trabalhar para a sua glória, os torna mártires e confessores ao mesmo tempo (...). É que o Divino amor faz passar sua espada pelas partes mais secretas e íntimas de nossas almas, e nos separa de nós mesmas. Eu conheço uma alma a quem o amor separou das coisas que lhe eram mais caras, de tal modo, como se tiranos houvessem separado seu corpo de sua alma, esquartejando-o com suas espadas”. As Irmãs entenderam que Joana Francisca falava de si mesma.

Como mestra de oração, apontava uma atitude fundamental, comum a todas as orações: não é suficiente ser pequeno diante de Deus, é preciso ser nada; eis aí o fundamento sobre o qual Deus edifica. Esta atitude fundamental ela a expressa pela ligação necessária entre oração e mortificação: “A mortificação e a oração são as duas asas da pomba para voar em alguns santos retiros, a fim de encontrar seu repouso com Deus, longe da agitação do mundo; e como os pássaros não podem se dirigir ao alto com uma só asa, também não devemos nos persuadir que apenas com a mortificação, sem oração, uma alma possa alçar vôo para se elevar a Deus”.

Tendo vivido em profunda humildade, gozou de paz e serenidade constantes. Ao falecer em 13 de dezembro de 1641, às vésperas de seus 70 anos de idade, deixou fundados 87 Mosteiros. Em 1751 foi beatificada pelo Papa Bento XIV e em 16 de julho de 1767, canonizada por Clemente XIII.

Seu coração permanece incorrupto no Mosteiro da Visitação, na cidade de Nevers, França.

http://www.corazones.org/santos/juana_chantal.htm

 

 

Rua Dona Inácia Uchoa, 208, Vila Mariana
São Paulo - SP - CEP 04110-020 - Tel: (11) 55793948